Arquivo da categoria: Slides

site

Missões Marianas 2018

“É de Maria que se aprende o verdadeiro discipulado” – Papa Francisco

Maio é o mês que a Igreja dedica em especial para a devoção à Santíssima Virgem Maria.

Neste período, e em comunhão com o Plano de Pastoral Paroquial, nossa paróquia irá receber os Arautos do Evangelho para realizar uma Semana Missionária Mariana.

Confira a programação:

Segunda-feira: (21/05) – Matriz
19h00 – Chegada da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima na Igreja Matriz , Santa Missa e abertura da Missão.

Terça-feira-feira: (22/05) – Frei Damião
· 09h30 – Visitas com a imagem de Nossa Senhora na Comunidade Frei Damião.
· 19h00 – Santa Missa na Comunidade Frei Damião

Quarta-feira: (23/05) – Brejaru
· 09h30 – Visitas com a imagem de Nossa Senhora na Comunidade Brejaru.
· 19h00 – Santa Missa na Comunidade Brejaru

Quinta-feira: (24/05) – Matriz e Praia
· 09h30 – Visitas com a imagem de Nossa Senhora nas Comunidade Matriz e Praia.
· 19h00 – Santa Missa na Matriz. Após esta Missa haverá palestra com vídeo sobre as mensagens de Nossa Senhora de Fátima, no auditório da Matriz.

Sexta-feira: (25/05) – Jardim Eucaliptus
· 09h30 – Visitas com a imagem de Nossa Senhora na Comunidade Jardim Eucaliptus.
· 19h00 – Santa Missa no Jardim Eucaliptus. Após esta Missa haverá imposição de escapulários de Nossa Senhora do Carmo.

Sábado: (26/05) – Jardim Eldorado
· 09h30 – Visitas com a imagem de Nossa Senhora na Comunidade Jardim Eldorado.
· 19h00 – Santa Missa no Jardim Eldorado. Após esta Missa haverá procissão luminosa.

Domingo: (27/05) – Igreja Matriz
· 08h00 – Santa Missa na Matriz
· 09h30 – Visitas com a imagem de Nossa Senhora na Comunidade Matriz.
· 19h00 – Missa de encerramento da Missão Mariana na Igreja Matriz, com a solene coroação da imagem peregrina de Nossa Senhora de Fátima. Jantar após a Santa Missa de encerramento, com ingressos, no valor de R$ 15,00.

Confissões: na Igreja Matriz de terça-feira a sexta-feira das 09h30 às 12h30 // 16h00 às 20h00, e sábado no Jardim Eldorado.

Corpus Christi 2018

Solenidade de Corpus Christi

Neste ano, Corpus Christi será celerado no dia 31 de maio. A data desta celebração é móvel, e definida de acordo com a Páscoa.

Em nossa Paróquia, haverá Santa Missa seguida de procissão, às 9h, na Igreja Matriz e na Capela Nossa Senhora Aparecida, no Jardim Eldorado.

Origem da solenidade de Corpus Christi

Certa vez, no século VIII, na freguesia de Lanciano (Itália), um dos monges de São Basílio foi tomado de grande descrença e duvidou da presença de Cristo na Eucaristia. Para seu espanto, e para benefício de toda a humanidade, na mesma hora, a hóstia consagrada transformou-se em Carne, e o Vinho consagrado transformou-se em Sangue. Esse milagre tornou-se objeto de muitas pesquisas e estudos nos séculos seguintes, mas o estudo mais sério foi feito em nossa era, entre 1970/71, e revelou ao mundo resultados impressionantes:

A Carne e o Sangue continuam frescos e incorruptos, como se tivessem sido recolhidos no presente dia, apesar dos doze séculos transcorridos. O Sangue encontra-se coagulado externamente em cinco partes; internamente ele continua líquido. Cada porção coagulada de sangue possui tamanhos diferentes, mas todas possuem exatamente o mesmo peso, não importando se pesadas juntas, combinadas ou separadas. São Carne e Sangue humanos, ambos do grupo sanguíneo AB, raro na população do mundo, mas característico de 95% dos judeus. Todas as células e glóbulos continuam vivos. A Carne pertence ao miocárdio, que se encontra no coração (e este órgão sempre foi símbolo de amor!).

Mesmo com esse milagre, entre os séculos IX e XIII surgiram grandes controvérsias sobre a presença real de Cristo na Eucaristia. Alguns afirmavam que a ceia se tratava apenas de um memorial que simbolizava a presença de Cristo. Foi somente em junho de 1246 que a festa de Corpus Christi foi instituída, após vários apelos de Santa Juliana, cujas visões solicitavam a instituição de uma festa em honra ao Santíssimo Sacramento. Em outubro de 1264, o Papa Urbano IV estendeu a solenidade para toda a Igreja. Nessa celebração religiosa, o maior dos sacramentos deixados à Igreja mostra a sua realidade: a Redenção.

A Eucaristia é o memorial sempre novo e sempre vivo dos sofrimentos de Nosso Senhor Jesus Cristo por nós. Mesmo separando Seu Corpo e Seu Sangue, Jesus se conserva por inteiro em cada uma das espécies. É pela Eucaristia, especialmente pelo Pão, sinal do alimento que fortifica a alma, que tomamos parte na vida divina, unindo-nos a Cristo e, por Ele, ao Pai no amor do Espírito Santo. Essa antecipação da vida divina, aqui na Terra, mostra-nos claramente a vida que receberemos no Céu, quando nos for apresentado, sem véus, o banquete da eternidade.

O centro da Celebração Eucarística será sempre a Eucaristia e, por ela, o melhor e o mais eficaz meio de participação no divino ofício. Aumentando a nossa devoção ao Corpo e Sangue de Jesus, como Ele próprio estabeleceu, alcançaremos mais facilmente os frutos da Redenção!

31337916_2292953390932046_3306169295952834793_n

IV Subida no Pedra Branca

Convidamos você para a subida no Pedra Branca. Esse ano, contaremos com o sistema de “Carona Solidária” e lanche partilhado.

Interessados em participar deste evento, deverão entrar no grupo do evento através do link abaixo e aguardar informações e orientações da Equipe Organizadora:
https://chat.whatsapp.com/8Y5Cc8JCBV4IijKWvV2A1J
Compartilhe este link convide seus amigos e familiares
PARTICIPE !!!

Ganhadores

Ganhadores da Ação entre Amigos – Reforma da Igreja Matriz

Fazemos saber que:
  1. O sorteio previsto para o dia 01/04/2018 foi transferido e realizado no dia 15/04/2018 mediante a aprovação do CPC da Igreja Matriz. Esta possibilidade estava prevista no regulamento do sorteio, no último item, onde se prevê solução casos omissos não especificados anteriormente.
  2. O motivo para tal alteração na data de sorteio foi ocasionado devido as festas pascais e impossibilidade de ter recolhido em tempo hábil os bilhetes que circulavam. Por tanto, a data alterada visou não prejudicar os compradores.
  3. Os sorteados e a numeração de seus bilhetes são:
1º Prêmio: Ar Condicionado 9000 Btus
Ganhador: Antônio João da Silva
Bilhete nº 25881
2º Prêmio: Geladeira
Ganhador: Luiz Eduardo Silva
Bilhete nº 03186
3º Prêmio: Microondas
Ganhador: Liliane Ferreira da Rosa
Bilhete nº 09459
4º Prêmio: TV 42 Polegadas
Ganhador: Genilson da Silva
Bilhete nº 14614
5º Prêmio:Bicicleta
Ganhador: Genilson da Silva
Bilhete nº 00670
Agradecemos a todos que colaboraram conosco. Parabenizamos os ganhadores. Desejamos graças a bênçãos.
Aniversário Paróquia

Aniversário de Criação da Paróquia!

Nossa Paróquia comemora 35 anos e criação. Temos muita história para contar – histórias que nasceram pelo amor para com Jesus Cristo e a fé da Igreja!

Conheça um pouco de nossa história!

A Paróquia São Judas Tadeu e São João Batista, constituída Paróquia por decreto de Dom Afonso Niehues no dia 15 de abril de 1983, eleva a Deus um sincero louvor por todas aquelas pessoas que fizeram e ainda fazem a história da comunidade religiosa desta região de Palhoça. Tudo começou a tempos atrás e de forma modesta.
Padre Osvaldo Prim que, assumindo em 1967 a Paróquia de Palhoça, percebeu a importância de um atendimento mais direto a esta comunidade. O próprio Padre Osvaldo escreveu que, procurando conhecer a paróquia, descobriu a comunidade da Ponte do Imaruim. Nesta comunidade encontrou um oratório construído na cabeceira da Ponte Velha. Viviam aqui cerca de 50 a 60 famílias. Neste oratório foi colocada uma imagem de São Judas Tadeu. Enquanto não havia missas, o povo se reunia para as novenas aos sábados à noite. Foram alguns membros da comunidade que participaram da construção do oratório: João Odemar dos Santos (Jóca), Otávio Santos, Juca, Luis Medeiros, Mazinho, Valdir Schlemper e outros.
Em junho de 1967, Palhoça recebeu a visita do Senhor Arcebispo Dom Afonso Niehues. Visitando a Ponte, ele e o Padre Osvaldo perceberam que o ideal não seria construir uma Igreja lá perto do rio, mas sim no centro do núcleo habitacional que estava se formando. No ano de 1968 a Santa Missa começou a ser celebrada numa área verde deste conjunto habitacional. No ano de 1969 a missa começou a ser celebrada no Grupo Escolar que havia sido construído. Nesta época foi cedido para a comunidade o terreno onde hoje se encontra a Igreja Matriz. Neste terreno, no dia 24 de junho de 1971, foi colocado o primeiro tijolo da Capela que em seguida foi construída.
A primeira missa celebrada dentro da Capela foi no dia 04 de setembro de 1971. Em outubro de 1972, ainda em construção, pela primeira vez a nova capela recebeu a visita do Senhor Arcebispo. No dia 24 de junho de 1973 a Igreja então já construída foi inaugurada. Como dia 24 de junho é dia de São João Batista, data que coincidiu, tanto para a colocação do primeiro tijolo como para a sua inauguração, Padre Osvaldo sugeriu que, além de São Judas Tadeu, São João Batista fosse padroeiro da comunidade. Daí o porquê da paróquia possuir dois Santos Padroeiros.
No ano de 1978, mais especificamente no dia 18 de dezembro, nossa paróquia foi agraciada com a vinda das Irmãs da Fraternidade Esperança, que passaram a viver com as famílias no bairro da Praia, muito se dedicaram e se dedicam à nossa paróquia. Dentre as irmãs merece lembrança especial Irmã Neves (Alete Alves), que faleceu no dia 02 de novembro de 2013.
Em 1983 nossa comunidade foi elevada a sede da Paróquia São Judas Tadeu e São João Batista. Possuía, além da Matriz, mais quatro comunidades: Nossa Senhora de Lourdes do Jardim Eucaliptus criada em 1977, Nossa Senhora Aparecida do Jardim Eldorado criada em 1978, Nossa Senhora do Rosário do Brejaru criada em 1981 e Nossa Senhora da Praia criada em 1983. O primeiro pároco foi o próprio Padre Osvaldo Prim.
Em junho de 1983, celebrou-se pela primeira vez a Festa de Corpus Christi. Em 1984 iniciou-se a construção do Salão Paroquial que foi inaugurado no ano de 1989. Muitos mutirões e muitas pessoas colaboraram! Em setembro de 1985 iniciou-se a Novena de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Em dezembro de 1985, após meses de enfermidade a Igreja perdeu o Padre Osvaldo Prim, que partiu para a Casa do Pai. Neste tempo a paróquia era atendida pelo Padre Sérgio de Souza. Em janeiro de 1986 assumiu o Padre Idonizete Krüger, como pároco. Padre Krüger, com seu jeito próprio de ser, movimentou a paróquia até 1986, ano em que foi transferido.
A Paróquia foi então agraciada com a vinda dos padres do Pontifício Instituto das Missões Exteriores (PIME). Em março de 1988 recebeu mais um pároco, que muito marcou esta Paróquia: Pe. José Negri. Em 01 de abril de 1989 foi inaugurado o Salão Paroquial. Em abril de 1989, outro passo importante de nossa história: a Capela construída em 1973 é demolida com a ajuda dos membros da comunidade para a construção de uma nova Igreja, que pudesse receber bem os paroquianos que cresciam cada vez mais.
Em 1990 Pe. José Negri deixa a paróquia, que recebe como pároco o Pe. Franco Zanotti. Em 10 de novembro de 1991 a paróquia inaugurou a atual Igreja. Durante alguns meses nossa paróquia foi assistida pelos padres da Palhoça e ficou sob a responsabilidade do Diácono José Alceni. Vários padres da região colaboraram conosco nas celebrações das Missas. Em 1993 assumiu a Paróquia o Pe. Manoel João Francisco, nomeado bispo em 1998.
Foi então que veio trabalhar conosco, em 1994 o Pe. Norberto Debortoli. Ainda em 1994, no mês de Junho, tivemos o primeiro membro da comunidade matriz ordenado Diácono Permanente: Antônio José Medeiros. Em 13 de setembro de 2008 foi ordenado Diácono na comunidade do Jardim Eldorado o Sr. Antônio Della Giustina. A partir de 15 de novembro de 2012 ordenou-se Diácono do Sr. José Horteni da comunidade Matriz. Em 20 de junho de 2015 o Sr. Jânio Passos Lino recebeu a ordenação diaconal e passou a exercer seu ministério especialmente na comunidade do Brejaru. As comunidades e a paróquia contam com suas presenças e colaboração.
Pe. Norberto Debortoli permaneceu até janeiro de 2001 quando nossa paróquia recebeu o Pe. Carlos Rogério Groh. Padre Rogério deixou a paróquia em julho de 2002.
Padre Gilberto Lima de Moura também desempenhou suas atividades na paróquia, de março de 2007 a janeiro de 2008, quando o Padre André Luiz Ouriques passou a residir na comunidade do Eldorado, até dezembro de 2008. O Pe. Elizandro Scarsi fez o seu estágio pastoral entre nós em 2011 quando foi ordenado Presbítero em 21 de maio e passou a ser Vigário Paroquial, permanecendo até janeiro de 2013. Em julho de 2002 assumiu como Pároco o Pe. Luiz Rebelatto, permanecendo até janeiro de 2013. No dia 01 de fevereiro de 2013, assume a paróquia como pároco, o padre Hélio Tadeu Luciano de Oliveira e como vigário, Padre Isatino Dias. Posteriormente, Pe. Jonathan Speck Thiesen Jacques trabalhou como vigário em nossa paróquia.
Em 2016, nossa paróquia recebe como Vigário, Pe. Nildo Dubiella. Em dezembro de 2016, Pe. Murilo Guesser assume como Pároco – tendo ele, realizado em anos anteriores, atividades pastorais em nossa paróquia, quando ainda era seminarista.
Texto elaborado pelo Pe. Carlos Rogério Groh e atualizado pelo Pe. Isaltino Dias.

 

28056520_2256642777896441_2027063666178712099_n

Programação da Semana Santa

Confira a programação da Semana Santa 2018:

 

Quarta-Feira Santa – 28 de Março
20:00h – Ofício das Trevas – Igreja Matriz.

Quinta-Feira Santa – 29 de Março
20:00h – Santa Missa Lava-Pés na Matriz e no Jardim Eldorado. Após, início da Vigília e confissões (até às 23h).

Sexta-Feira Santa – 30 de Março
07:00h – Laudes na Matriz e no Jardim Eldorado. Após, continuação da Vigília e atendimento de Confissões até às 12h.
15:00h – Celebração da Paixão na Matriz e no Jardim Eldorado.
17:00h – Procissão das Cruzes, saindo da Matriz e também do Jardim Eldorado até o Campo da AERPI .
18:30h – Encenação da Paixão de Nosso Senhor Jesus Cristo no Campo da AERPI

Sábado Santo – Vigília Pascal – 31 de Março
07:00h – Laudes na Matriz e no Jardim Eldorado.
Após, atendimento de Confissões até às 12h.
19:00h – Vigília Pascal na Matriz
19:30h – Vigília Pascal no Jardim Eldorado.